Visto de múltiplas entradas para a curta permanência aos cidadãos brasileiros

(Informação atualizada em 31/03/2018)

Os cidadãos brasileiros que desejam viajar ao Japão, podem optar pelo visto de uma entrada, dupla ou de múltiplas entradas, com a finalidade de "Curta Permanência".   Conforme o resultado das consultas entre o Governo do Japão e o Governo do Brasil, a Embaixada do Japão, os Consulados Gerais e os Escritórios Consulares do Japão no Brasil, estão emitindo o visto de múltiplas entradas com período de permanência máxima de 90 dias e validade de até 3 anos com a finalidade de curta permanência, na condição de que sejam cumpridos os requisitos necessários para a emissão do visto.
  【Valores das taxas dos vistos (válidos até o dia 31 de março de 2019)】  
・Visto de uma entrada - R$86,00
・Visto de dupla entrada - R$171,00
・Visto de múltiplas entradas - R$171,00   

1. Objetivo da viagem e condições de solicitante

(1) Objetivo da Viagem
Qualquer atividade considerada apropriada para a “curta permanência”, como no caso de turismo;
(2) Condições do Solicitante
O solicitante de visto de múltiplas entradas deve ser cidadão brasileiro e possuir passaporte eletrônico (MRP) comum ou com chip (IC chip), emitido de acordo com as especificações da ICAO.
(3) Locais de atendimento
Embaixada, Consulados-Gerais ou Escritórios consulares do Japão no Brasil.
 

2. Requisitos para emissão

O solicitante deve ser enquadrado em um dos seguintes casos:
(1) Ter emprego e renda suficiente.
(2) Ter visitado o Japão por curta permanência nos últimos três anos (*).
     (*) Só casos em que possa comprovar sua viagem ao Japão através do seu passaporte.
(3) Ser dependente (cônjuge ou filho (a)) do solicitante, que deve preencher, o requisito do item (1).

3. Validade de visto e período de permanência

Validade: 3 anos (poderá ser de 1 ano dependendo do motivo de solicitação).
Período:
(i)90 dias ou 30 dias: Ter emprego e renda suficiente para a viagem ou sua família (nos casos mencionados nos itens 2(1) e 2(3) acima).
(ii)15 dias: Ser enquadrado em apenas um dos requisitos do item 2 de (1) a (3).

4. Documentos necessários

(1) Solicitante que tem emprego e renda suficiente (item 2(1) acima):
(i) Formulário de SOLICITAÇÃO DE VISTO PARA ENTRAR NO JAPÃO com foto;
(ii) Passaporte válido (deve ser passaporte eletrônico (MRP) comum ou com chip (IC chip), emitido de acordo com as especificações da ICAO);
(iii) Cópia autenticada da carteira de identidade (RG) ou original com cópia;
(iv) Comprovante de renda (cópia da declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física com todas as páginas, inclusive o recibo de entrega ou os três últimos contracheques);
(v) Original e cópia da Carteira de trabalho ou documento que comprove sua ocupação profissional;
(vi) Carta explicativa sobre o motivo para solicitar o visto de múltiplas entradas.


(2) Solicitante que tenha visitado o Japão por curta permanência nos últimos três anos (item 2(2) acima):
(i) Formulário de SOLICITAÇÃO DE VISTO PARA ENTRAR NO JAPÃO com foto;
(ii) Passaporte válido (deve ser passaporte eletrônico (MRP) comum ou com chip (IC chip), emitido de acordo com as especificações da ICAO);
(iii) Cópia autenticada da carteira de identidade (RG) ou original com cópia;
(iv) Documentos, como o passaporte atual ou anterior, que comprovem que o solicitante visitou o Japão por curta permanência nos últimos três anos;
(v) Comprovante de renda para viagem (cópia da declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física com todas as páginas, inclusive o recibo de entrega ou os três últimos contracheques);
(vi) Documento que comprove a ocupação profissional, como a carteira de trabalho do solicitante (original e cópia);
(vii) Carta explicativa sobre o motivo para solicitar o visto de múltiplas entradas.

(3) Dependente (cônjuge ou filho (a)) de solicitante que tem emprego e renda suficiente (item 2(3) acima):
(i) Formulário de SOLICITAÇÃO DE VISTO PARA ENTRAR NO JAPÃO com foto;
(ii) Passaporte válido (deve ser passaporte eletrônico (MRP) comum ou com chip (IC chip), emitido de acordo com as especificações da ICAO);
(iii) Cópia autenticada da carteira de identidade (RG) ou original com cópia;
(iv) Documento que comprove sua condição de dependente do solicitante (cônjuge ou filho (a)) conforme o item 2(1) acima;
(v) Comprovante de renda (cópia da declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física com todas as páginas, inclusive o recibo de entrega ou os três últimos contracheques) e comprovante de ocupação profissional, como carteira de trabalho, da pessoa que sustenta o(a) dependente caso a solicitação seja feita em separado do solicitante do item 2(1) acima;
(vi) Carta explicativa sobre o motivo para solicitar o visto de múltiplas entradas.

Obs. Caso necessário, outros documentos poderão ser solicitados.